18 de junho de 2008

Conclusão da madrugada de pileque:
ando ternurinha demais esses dias....
porra.

3 comentários:

Cineasta 81 disse...

Gostei dessa artista.
Eu acho interessante esses fotografos que trabalham com o desfoque.
Lembro quando era muito pequeno, minhas primeiras visões eram em grande parte desfocadas, não sei se meu olho é que não entendia as coisas direito, ou se meu entendimento das coisas me impedia de enxergar o mundo com clareza. Fosse o que fosse, hoje, quando vejo o desfoque lembro da infância.

JFGama disse...

a cerva... amansou?!

heheh

Uma menina colorida. disse...

Aiiiiii... Minha mãe adora a Jovem Guarda, e eu passei a infância inteira, e grande parte da adolescencia ouvindo histórias e músicas de Erasmo, Roberto, Ronie Von, Martinha, Eduardo e blá blá blá...

Resumindo: todo mundo sabe, Ternurinha era a Wanderléa...

Lembrei disso.

"Pare agora!!!! Senhor Juiz..."
(quem não conhece essa, hein?! rs)