30 de maio de 2011

Ataque Beliz no Som Brasil


Na última sexta feira, dia 27, foi ao ar o programa Som Brasil -Ataulfo Alves. O programa contou com a participação de Dani Gurgel, Elza Soares, Ataulpho Alves Junior, Thiaguinho, Virgínia Rosa, e da banda Ataque Beliz. Simmmm a banda de amigos queridos daqui de Brasília com quem trabalho há mais de quatro anos e que na sexta alcançou mais um passo importante em sua carreira de 10 anos.
Eles tocaram 3 músicas, dentre elas a famosa Amélia escrita por Ataulfo e Mario Lago, em especial essa ganhou meu coração pela intervenção em rap que quebrou o discurso machista da letra original: " Mas Amélia é só um nome de flor ou de mulher. E mulher de verdade pode ser como quiser."

Não tem nem como negar que me emocionei ok?  Dá vontade de tecer milhões de elogios, feito tia babona, evito o piegas mas não posso deixar de escapar daqui o registro de muita felicidade e orgulho dessa galera!!!! 



Aperte o play e seja feliz:




aqui tem mais!!!

23 de maio de 2011

Diane Arbus para a segunda.



Arbus e sua densidade.

Nascida em 1923 nos Estados Unidos, Diane Arbus começou a fotografar com seu marido Allan Arbus. eram trabalhos de moda para a revista Harper's Bazaar, mas ela se voltou ao trabalho pessoal a partir da década de 50. São séries de retratos de pessoas "marginalizadas"  na época ou pessoas "comuns" em posições que traziam alguma dramaticidade ou mistério.  Ela fotografava com flash direto mesmo em fotografias realizadas durante o dia com o sol estatelado no céu. 
Susan Sontag no prefácio do livro Women " Com seus retratos ao evocar a cumplicidade de quem olha, Arbus permite que surja nesta relação tridimensional (artista, modelo, espectador) o espaço da criação. Seria este 'mais além'? O lugar da fantasia de cada um?"
Annie Leibovitz " A fotografia não é uma opinião. Ou é?" "Para Arbus um retrato é um segredo sobre o segredo"


19 de maio de 2011

O facebook me avisou

Encontre mais músicas de Junio Barreto em Myspace Music





que hoje é aniversário do junio Barreto, então vou celebrar seu novo ano cantando essa música que é mesmo uma das mais doces dessa vida....é sério, a primeira vez que ouvi Colarzinho de Pedra Azul chorei muito. 
Viva a-qui-(n)-ta-doce!!!

17 de maio de 2011

ainda falando de amor II

Daniela Arrais  é autora do blog Don't Touch My Moleskine, ok falei dele mil vezes aqui , mas é que ela tem uma categoria de posts que ganha o coração de qualquer um. Uma série de vídeos em que amigos, músicos, artistas plásticos, pessoas que ela encontrava na rua,respondiam a pergunta: o que é o amor pra você hoje? Genial não é?
Escolhi três que gosto muito, mas é claro que vale a pena passear pelo site dela, que além dos vídeos , textos maravilhosos também é ilustrado por fotografias lindíssimas.
É verdadeiro carinho para os dias.










ainda falando de amor I







lembrei do amor retratados pela fotógrafa Lina Scheynius, gosto tanto dessa serenidade!! 

amar o poeta

é feito dança, 
porque a poesia é intensa, é densa, segue a maré dos compassos, 
no ritmo dos desejos,os soluços do boêmio, a militância do guerreiro, 
a libido do amante.Poesia pela casa, escorada nas estantes,
 perfumando a cama,escorrendo entre as pernas, 
tua história pelas rimas, nossos sonhos dentro delas.
 meu par, meu mar.


amar o poeta.

ganhei um presente hoje

http://mcpavao.blogspot.com/2011/05/sobre-musa-e-inspiracao.html

16 de maio de 2011

Pavão MC na III FLIPIRI






Passamos o último fim de semana na III Flipiri em Pirenópolis-GO, meu companheiro, Pavão MC se apresentou na noite de sábado com músicas e poemas...e foi uma delícia. Na verdade confesso que não sei como cheguei até 2011 sem conhecer Piri é sério, mesmo com a proximidade com Brasília só fui conhece-la a go ra....e claro que o deslumbre foi imenso. Tanto pelo evento, como pela cidade gostosa e pela recepção maravilhosa que tivemos. Nos apaixonamos pela cidade e estamos muito agradecidos e lisonjeados pela oportunidade de participar desse evento. 





A Flipiri acabou mas com certeza voltaremos logo à cidade!!!

13 de maio de 2011

Ainda sobre delicadezas

Lucas Jatobá é brasileiro e após morar 3 anos em Barcelona presenteou a cidade e à todos que assitem a esse vídeo com uma boa dose de carinho. Bonito. =]


que seja...


Quando há sol, e esse sol bate na minha cara amassada do sono ou da insônia, contemplando as partículas de poeira soltas no ar, feito um pequeno universo, repito sete vezes para dar sorte: que seja doce que seja doce que seja doce

Caio F

OBS: O blogspot apagou meu último post, e perdi os comentários lindos que vcs deixaram aqui....
hunf.

8 de maio de 2011

tropecei esses dias

com essa sinceridade toda






ps: essa mensagem fica em frente a um abrigo que acolhe crianças de 0 a 3 anos de idade.

cantando baixinho.

se sou só assim por conta
dos encontros, desencontros, engasgos e gargalhadas que dei?

por que o samba triste poeta?

O contraste de Shidomoto







Para domingo, um bom café forte e contraste de Youichi Shidomoto. Gosto muito do peso de suas imagens. Ele tem um flickr muito bonito.