29 de julho de 2008

...

...preciso falar sobre as lambidas que a cidade me dá....

Diz que fui por ai....

Na verdade roía unhas, descascando o esmalte delicadamente, dessas minuncias tão intimas. Carros, carros, pessoas, uma velha de saia vermelha, risada, e aquele cheiro de café. Cigarro, me veio ainda esmalte delicado a ser retirado, pequena película. Japoneses, franceses e um alemão que me perguntou não sei o que. Pães muitos, pastas, azaléias, e alcool. Brindes, lanches, ruas, que nomes tantos. Não há mansidão que eu queira....

20 de julho de 2008

17 de julho de 2008

Pra dizer que esse blog ainda tem salvação

e não vai virar recanto para meus melodramas aguados........

Zouravlov pra vocês!!!

A russa manda muito!

heim?

tatiana reis diz:

Preciso te contar um fato engraçado.Faz dois meses que deixei o João brincar com um dos joguinhos de batalha no meu celular. Acontece que quando se abandona o jogo...o sistema te manda mensagens contando das batalhas, chamando inclusive pra voltar à luta. Hoje acordei muito triste e acabei de ler uma das mensagens do joguinho ( eu não sei quando vão parar).

"Você se rendeu ao inimigo? O verdadeiro lider nunca foge da batalha. Uma estratégia de combate é o segredo para o Sr da Guerra!"

tá virando meu horóscopo isso.
hahahaha
Sorte de hoje: Aguarde para breve momentos emocionantes.

faz-me rir.

16 de julho de 2008

escrevendo água.


São em tardes assim que entendo a fascinação dos meus pais por plantas, hoje reguei os alecrins e sentir o cheiro de terra seca sendo encharcada, de pitangueiras agradecidas, da água. E sentir a calma de cuidar, um zelo que me conecta.
Regar alecrins, cuidar dos pássaros ( que estão ali dormindo mansos e presos não por minha vontade). Preciso de um gato, de mais café e os últimos goles sem açucar por favor.
A verdade é que fica fácil me distrair, correr com os trabalhos, aquarelar sonhos e escolher em qual parede colar meu último retrato. Mas quando vem a pausa, muda. Abusadamente muda, me caio em febre. É beirar uma bela de um queda em si. Ser hipócrita em não admirar meus próprios passos...é que quando vem a pausa. É oco e eu sinto bem os ecos aqui. Sozinha. Hoje usei o termo : me livrarei disso. A quem quero enganar? "Isso" me percorre a vida toda...e pesa meu bem. Pesa e mastiga.

15 de julho de 2008

Handmade!

Dica do Cícero e da Deda e que na verdade me fez ganhar a tarde. Porque o curta é muito bonito mas a fotografia é foda!Handmade é um curta escrito e dirigido por Denis Kamioka . e tem como diretor de fotografia Pierre de Kerchove.No site do Pierre a gente encontra algumas peças e seu belíssimo trabalho com cores ( recomendo AMC-Seguros da o2 filmes).A curiosidade bacana é que os atores são músicos, a mocinha LoveFoxx do CSS e Dan Nakagawa .

Então sinta a malemolência!!!





bebi da fonte!

Irakly Shanidze


Nascido em 1968 na antiga República Soviética da Georgia, Irakly começou a fotografar aos 12 anos. Seu encantamento com o nu sempre foi muito evidente e claro que como Saudeck e Kula também manteve seu trabalho às escondidas do governo. Em 1985 um de seus companheiros fotógrafos foi sentenciado à 5 anos de cadeia por fotografar nus em seu estúdio. Shanidze interrompeu seus trabalhos com o tema até conseguir se mudar do país.
O cara é graduado em química, se mudou para os Estados Unidos em 93,e depois disso já expôs mais de 20 vezes!! Mas mesmo assim tem uma relçao bem tranquila com o trabalho artístico, não sendo sua prioridade.Gosto um bocado da irreverência de algumas fotos, brincadeira com as composições e de alguns p&bs.

Passeia por lá também?

bla

(Engraçado, mas acordei com uma crise abusada sobre o peso das minhas fotos...principalmente com nu. Muitos dessaturados, muito noturnos, muitos pretos e sombras....Quero mais leveza pros próximos ensaios.ai.)

Suave é!

14 de julho de 2008

Nome Próprio!!

Alguém ai me pergunta se quero ver?





Pra saber mais: o blog do filme!!!

Na falta de tripé:


...a maior gambiarra!!

Na falta de mudelos!

Da série: Meu passado me condena!

Jane says



É claro que essa música me embala até hoje, mas assumo que Dave Navarro não é o mesmo de outrora. ui!

Começo com Kasso!!



Já falei dele aqui no antigo blog, mas precisei postar aqui também o trabalho de Kasso. Que é uma das minhas referencias inclusive de publicação.
O cara tem um blog delicioso, recheado de fotografias sobre intimidade, detalhes da cidade e da cultura japonesa. Gosto muito dos detalhes. O projeto rendeu um livro que andei namorado bem.
Mas além de fotografar muito, ele também desenha! Tanam!!

Por isso mesmo recomendo, segundas de bom começo
o site, Tokyo Undressed, os desenhos e... teus olhos curiosos!

13 de julho de 2008

....estar sozinha no meio dessa situação toda me faz mais forte
só amoleço com musica mesmo.
então, vou quebrar as caixinhas de som!...

11 de julho de 2008

de tarde.


[ zengzung]

E que o movimento me seja suave, me venha
na dança, torta que seja, entregando entre
pernas os desejos mais sutis.

Brinco com minhas cores hoje.

10 de julho de 2008

Entre barquinhos e bem na moda.


Ricardo Toscani fotografando o desfile da última coleção do Ronaldo Fraga.
Se você quiser "fragar" mais sobre o trabalho do Ronaldo, a Camila nos indica o blog fofo dele no blog chique dela.

queria eu andar entre barquinhos!

ai ai

8 de julho de 2008

Cokeliss


Cinema. É sim a primeira palavra que me vem à cabeça quando passeio pelas fotos do Cokeliss. E com toda razão já que ele fez seu percurso no cinema. Influenciado por Helmut Newton, Duane Michals, Irving Penn principalmente por Dahmane. Barney gosta de brincar com instante, tenta passar em suas fotografias a sensação de algo que acaba de acontecer ou que ainda vai.

" O elemento erótico deve parecer quase acidental"

Usa luz natural, as modelos quase não são maquiadas e ele dispensa assistentes. As produções passam a ser um desafio a partir de "quase nada". Ok!
Nascido na Inglaterra, Cokeliss estudou em Oxford e hoje trabalha com publicidade. Suas modelos muitas vezes são moças encontradas nas ruas ou em equipes de produção em que trabalha. Não gosta das modelos profissionais exatamente por parecerem profissionais demais.
Trabalha com película,usa uma Mamiya7 e Pentax 6x7. E acha que a fotografia digital é fria demais.


Pawlak



[ sophie pawlak ]

Gosto do trabalho da moça, na verdade mais ainda dos retratos de crianças. Vale a pena passear, é suave!

7 de julho de 2008

Derretendo Satélites


"...Onde a sua mão está agora?
A minha você sabe bem
Quanto mais tempo demora
Mais violento vem

Falando absurdos
Virando a noite
Perdendo senso
Derretendo satélites
Falando tudo
Voando a noite
Ouvindo estrelas
Derretendo satélites..."

(Paula Toller e Hebert Vianna)

Na íntegra aqui....

Stina em segundas!


[ stina persson ]

Ilustradora suéca com um portfólio lindo. Muito bom o trabalho com watercolour!! Visita!

1 de julho de 2008

Não vou Ficar.

Vou de clássico pra fechar essa terça cheia de trabalho.
Robertão é o cara!


MirrorMask

Quem me apresentou MirrorMask foi o Ovelha, num dos grandes momentos de nossa amizade em que constato o fato dele ser o cara para filmes e bandas alternativas. ( quadrinhos também é claro).Então, digo só de princípio que é mesmo um deleite para os olhos e sensibilidades tantas. Dá vontade de tocar, de amassar, de fugir. É só uma mistura foda de Neil Gaiman e Dave Mckean, sinceramente para os apreciadores de HQs muito recomendada. E para os curiosos de vida quase um roteiro.Deixo uma fatiazinha do filme, pra dar água na boca.


Merkley???

Conheci Merkley??? pelo flickr e já faz um tempo que acompanho o trabalho do cara. Fato o que me envolve muito são as características tão marcantes de edição. Ele brinca muito, compõe a cena sempre fazendo referencias à cultura pop, recheadas de comida, animais e simetrias metodicamente trabalhadas. Claro que no meio disso tudo mulheres nuas, de pele brilhantes e plastificadas, sedosas. Que seja bem vindo o viço...e sinceramente umas jogadas com luz direta heim?
Ele lançou seu livro, 111???, exatamente 1111 cópias autografadas, e o cara bancou tudo.oO

"Fazendo eu mesmo, elimino toda babaquice e a coisa toda ganha mais valor."
Numa entrevista pra revista ELEELA:

Como você cria seus temas?

É uma receita simples, qualquer um pode fazer:
*1 parte de Mulher Pelada
* 2 partes de Blasfêmia
*2 partes de Lanches ( inclui verduras e condimentos )
*2 partes Negativa de Gravidade
*1 parte de animais de estimação ou de fazenda
*3 partes de plástico.
Combine os elementos, misture vigorosamente , dose o molho, escreva descrição para os cegos, suba na internet.Ok ok.

Visite o Flickr do cabra, acho que ainda tem livro à venda aqui e pra quem se interessar a íntegra da entrevista sarcática no site da ELEELA ( que inclusive merece uma visita heim? não é mais aquela revistinha xexelenta da época que a xuxa posava nua não minha gente!!)

salve salve!

Tá me zuando?

(via)