31 de agosto de 2011

para ir dormir com azia.....




ou não conseguir dormir
ou fugir do planeta
ou projetar um novo plano de dominar o mundo
ou uma nova fórmula viral e fatal para gente desonesta
que merda.

Achei que essa leveza seria bem vinda

Repito por pura alegria de viver: a salvação é pelo risco, sem o qual a vida não vale a pena!
 [clarice lispector]




A fotografia é de uma descoberta deliciosa de quarta: Aaron Feaver. Trabalhos belíssimos, para conhecer mais aqui tem o blog e seu site. Ficou difícil escolher uma foto favorita pra postar aqui. 

Bom dia quarta com manequins mórbidos de Jerome.





Essa é uma das séries que mais gosto dele.

30 de agosto de 2011

I just wanna make....








etta linda às terças.pra ilustrar desejo do dia, aqui um sol de rachar, muito quente, muita sede e saudade.

Simples assim?




Há pouco tive uma conversa sobre essa obsessão em ter milhões de amigos, curtir tudo que vem pela frente, compartilhar  3.970 fotografias da sua vida ( seus filhos, amigos, cachorro, namorado) para 2.902 amigos queridos e virtuais. Não acho que devamos sair dessas redes, inclusive elas me ajudam muito no que diz respeito a pesquisa de referencias e divulgação do meu trabalho. Mas pesar corretamente a importância que essas interações tem sobre nossas vidas é mesmo um trabalho diário pra quem não fecha a abinha do fb e cia, o vídeo traz essa crítica.Me lembrei desse post da Daniela Arrais no Don't touch my moleskine. Acho que sentiria algo parecido se largasse de mão dessas coisas. 



via sedentário.

Bom dia!



começo a terça com uma das fotografias encantadas de Jaime Martínez.

(via)

29 de agosto de 2011

Como diria a bruxa: Borboleta é Pétala que voa.




ao ver o trabalho de Marco Mazzoni me lembrei imediatamente dessa frase da Clarice Lispector: Borboleta é pétala que voa. Essa é a sensação ao ver as ilustrações dele, colares, cocares, jubas, coroas, abraços de borboletas.pétalas.asas. Que lindo. (as vezes me dá uma sensação de sufocamento, mas acho que é o efeito da seca na capital).
Ele tem um site bem legal.

(via)


25 de agosto de 2011

nessa quinta

encontrei na galeria de Brittany Markert  uma suaveza tão bonita.




sobre o deserto que é.



"A vida me fez de vez em quando pertencer, como se fosse para me dar a medida do que eu perco não pertencendo. E então eu soube: pertencer é viver. Experimentei-o com a sede de quem está no deserto e bebe sôfrego os últimos goles de água de um cantil. E depois a sede volta e é no deserto mesmo que caminho." .clarice lispector.

24 de agosto de 2011

Há procura por ternura



há dois anos fotografando uma apresentação de acrobacias aéreas do grupos ARES em plena praça da Sé, me deparei com essa cena. Num determinado momento os atores jogavam flores de crepom do alto do prédio, e o público interagia ao pegar essas flores. Esse senhor, um morador de rua, foi o único que ao colher a flor do céu, buscou o seu perfume.
voltei pra casa aquele dia tocada com a delicadeza.

23 de agosto de 2011

Mascaradas de Hopper







“Naked girls with masks” é o nome da série do fotógrafo israelense que mora hoje em Londres,  Ben Hopper.
ele tb tem um blog bem legal.


My photographic style is always evolving - I also think I'm a little jaded; I never want to take predictable pictures. When I take pictures or select them afterwards I think, 'If I saw that image in a book, a magazine or a gallery, would I think it's a good image? If it's good enough to look like a timeless classic image, I'll be happy." says Ben. "I particularly love the challenge of working solely with available light, and capturing bodies in motion. I like every element of my compositions to fascinate; it might be the energetic, quirky image of a nude woman in a stag head jumping into the air that first arrests the viewer, but then they notice interesting elements in the background too. I want everything about my photographs to provoke comment and exclamation. And I consider 'What the fuck..?!' to be a compliment!"

Uma delicadeza para a terça.




...Melhor viver, meu bem, pois há um lugar em que o sol brilha pra você.
Chorar, sorrir também e depois dançar, na chuva quando a chuva vem....











Direção e Montagem: Lucas Cirillo
Produção Executiva: Deborah Osborn, Gilberto Topczewski e Verônica Pessoa
Coordenação de Produção: Priscila Guida e Ana Paula Verissimo
Fotografia: Pedro Mafei
Som direto: Luciano Raposo
Produção local: Dilma, India, Edilene e Ingrid Farias
Coordenação de Finalização: Daniel Amaro
Colorista: Alex Yoshinaga
Sound Design: Edu Hamerschlak (Fine Tuning)
Assistente de finalização e montagem: Felipe Ino

la petit mort


Lendo o post da Ale Safra em seu blog  Dedos não Brocham (super recomendo!!), me lembrei desse ensaio de duas fotógrafas Nathalia Guimarães e Alexia Santi. Elas se fotografaram e a seus amigos no momento do orgasmo enquanto eles se masturbavam. O resultado ficou bem interessante, as imagens carregam uma certa densidade. A série chamada la petit mort virou uma exposição em 2009. Aqui um matéria na Trip.

Nina não sai de mim!




22 de agosto de 2011

encontro.


Encontro comigo às 15:00 de uma segunda amarela, estou mesmo mais velha, um pouco menos séria e com um ar desbaratinado de menina, me lembrou nossa infância e de como pensar no tempo me deixava assim, um pouco embaralhada.Alguma coisa sobre o que pode vir, o que pode ser, o que pode reverberar.Convido-me para um suco de cajá ( por mais que café seja mais charmoso, café nesse calor é maldade) e começo a pensar que meus olhos brilham mais do que esperava e que esse vestido vermelho já não cai tão bem em mim. Achei de bom tamanho e dancei comigo ao som de Nina.

Acordei

com a sensação de chuva, salivei ainda na cama sonhando que logo sentiria o cheirinho de terra molhada e minhas plantinhas na janela agradeceriam a dádiva. Levantei como quem tem sede, e quase foi um sambinha triste quando vi que era chuva nada, era uma ventania louca e seca que lambia as flores caídas no asfalto.
Tudo isso me fez lembrar dessa fotografia, opa, não não, dessa pintura do Gregory Thielker




Ele tem muito mais em seu site.



 miragens no deserto.

retalho de um sábado a tarde

a luz de agosto me parece um pouco bucólica, atravessei um jardim de folhas secas, um verdadeiro tapede que fragil se quebrava a cada passo que dava. Quis me juntar àquele cenário silencioso. Fotografar já não me basta mais.

21 de agosto de 2011

20 de agosto de 2011

19 de agosto de 2011

Pra fechar a sexta muito feliz!


Videoclipe da banda Ba Boom , um projeto de pessoas muito queridas de sampa. Preciso falar que ficou foda?? Sente só!



Estar apaixonada

é então acordar num beijo de bom dia e escutar no looping infinito a música do João Donato com Thalma de Freitas que encontrei enquanto lia o melhor blog dos tempos.


Enquanto a gente namora... by thalma

18 de agosto de 2011

Andei a tarde toda com essa na cabeça

Aprendendo a fazer a cabeça de ET

ou um coque vintage, como preferir.Achei útil para dias de muita ociosidade ou desejo em parecer sessentista, ou mesmo em parecer com minha mãe que se casou com um coque exatamente igual a esse. Quando criança ficava imaginando por que diabos e COMO ela conseguiu fazer a cabeça parecer tão grande com o pouco cabelo que tinha. E plim, descobri:


para ver na íntegra é só clicar na imagem.
crédito da imagem: http://www.arrowandapple.com/

* esse é um blog delicinha só de fotografias de casamento, gringos usando flores de papel,  copinhos de geleia como vasinhos, pessoas felizes, tatuadas e muito bonitas. 
** foi visitando esse blog que cheguei a conclusão de que se você um dia for se casar, please, case-se de dia e pelo menos garanta um álbum de fotografias lindas e SEM FLASH =]


Quinta dos suspiros!!

Ann He é uma fotógrafa chinesa que hoje vive em Dallas que com apenas de 16 anos já possui trabalhos belíssimos de moda e arte. Suas fotografias carregam um encantamento, sempre com luz natural, contra luzes maravilhosos. Como começou há pouco tempo a fotografar, ainda não sabe qual rumo tomará dentro da fotografia, mas com certeza essa paixão a levará longe. Poderia passar horas namorando seu trabalho, sem fica cansada. Sente só a vibe:





[ ann he ]

17 de agosto de 2011

16 de agosto de 2011

Ao fim de tarde introspectiva!



uma obra da artista plástica japonesa  Hikari Shimoda.
Gosto muito e você?

Falando em seca, agosto e sede:


... quase infantil a descoberta da poesia no que escorre, lento e cansativo. dia a dia
....mas acontece e é bem legal.
fim!


O último HQ que eu li



não foi mesmo lá essas coisas, mas gostei muito do traço da autora Edna Lopes e acho importante dizer que foi a primeira graphic novel escrita e desenhada por uma mulher no Brasil. Lançado em 2004, Amana ao Deus Dará conta a história de uma menina nascida na Amazonia, e criada em São Paulo, que vai em busca de suas origens, passa pelo Rio, pela Bahia , Maranhão e se encontra no Norte com o tráfico de mulheres. É obrigada a se prostituir. Confesso que a temática me interessa, não é uma ficção que fuja à realidade do nosso país, muito menos as personagens sejam incomuns, essas características inclusive me aproximam muito da história  mas achei raso, poderia ser muito mais intenso, encorpado. Não reverbera. Pelo menos pra mim. Será uma fase minha a procura de intensidades, tempestades? Seria a seca de Brasília? Seria só sede?
ó, sou super a favor de novas considerações sobre o HQ, pode ser só muita sede.


Jeff às terças






São mesmo belíssimas as fotografias de Jeff Bark

11 de agosto de 2011

Uma dessas loucuras para quinta.


Theo é fotógrafo, escultor e pintor. Encontrei esse trampo do cara e fiquei um bom tempo passeando pelo site que é mesmo muito louco. A temática é basicamente a morte e o sexo, selecionei as fotografias que mais gosto ó: 



"Eu gosto de falar sobre a morte com um repolho podre ou a falta de um dente e sobre o sexo com ovos e meias sujas. Eu gosto de injetar essas noções em objetos que não tem nada a ver com o tema"





entarde(sendo)


10 de agosto de 2011

Uma animação erótica muito bem feita!



Naked Love é um projeto da animadora Sara Koppel  e consiste em um curta erótico de aproximadamente 20 minutos,20 peças desenhadas em papel por segundo.Sara publicará episódios toda sexta feira nessse link,incluindo ai também a possibilidade de acompanharmos o making of. Gosto muito da sensação de movimento e visual retro dessa produção.

"Uma homenagem a sexualidade individual e ao sexo sem opressão, culpa ou vergonha." Sara Koppel

Como o projeto está em andamento, eles aceitam doações e a divulgação será também muito bem vinda.
Viva!!!
aperte o play e seja feliz





"Naked Love" EP09 Soft Skin from Sara Koppel on Vimeo.