6 de novembro de 2008

por aqui...






Abraços em liberdade, que minha consolação venha de aurora, penso muito mesmo nessas vindas de esquinas, muitos velhos, bela cintra, quase mesmo bexiga, olha bem....madalena que nos chama...pensei também em mariana...acho doce comer sonho com a moça macia assim, perto de uma praça...bela vista a nossa de rumos, caminhos que chegam inundando os olhos.mas quero mesmo é brindar na janela grande aberta de casa.a saudade que me abraça, e sopra principalmente quando me pego sentada num café ou bar barato, canetas circulando combinações bonitinhas de nomes e numeros, e a saudade só sopra....aqui tudo em chuva, as vezes um choro de mudança precisa...desassossego pelas tempestades...e calmaria ao amanhecer!!! um cado de amor que escorre, descobertas boas.














3 comentários:

Sentimental ♥ disse...

bem são paulo esse desabafo.
vc é de lá e veio pra cá?
beijos

Quietinha disse...

Dessa janela da pra ver o rumo da minha. Lá atrás, bem la atrás.
Como amo SAMPA

Natália Nunes disse...

ai, tati, que texto bom!
é, sampa, que venha sobre ti, amén.


beijo, flor.