6 de maio de 2010

O cansaço dos dias ou lavação de roupa suja II ou A menina que cansou de ser boazinha




Dia desses folheando a revista Satélite 061 (projeto que sempre botei fé) me deparei com algumas fotos minhas, sem o devido crédito de autoria. Claro que a sensação de desrespeito ao meu trabalho é cada vez pior,mais seca...há algum tempo passo por isso e sempre levo naquela: cutuco, falo "ooolha eu aqui..olha quem fez essa foto aqui...ei eu existo!" Isso é muitissimo comum em algumas produções de Brasília, não sei se pela sensação provinciana de todos serem "brothers" ou falta de profissionalismo...ou os dois mesmo e mais ainda pelos sites e blogs a fora. O cansaço vem e nem é de repente, porque me considero bem acessivel, inclusive as minhas fotografias não tem marca d'água (acho o fim) e nem são bloqueadas para copy etcs....O trato com direito autoral na internet ainda é muito cru, a conversa é recente, mas aquela estranheza de saber que "jogou na net já era" pra mim pode ser revertida na postura de trocas. Comum encontrar fotografias minhas "ilustrando" posts com poemas sem a mínima atenção para autorias....

Bem aqui é mesmo um desabafo e sobretudo um convite `aqueles que frequentam meus sites, e que são sempre bem vindos eu os compartilho com vocês exatamente porque adoro isso...se alguém gostou de alguma das minhas fotografias publicadas no flickr, no desliz, delicado ou nesse blog, fico feliz demais por isso e falo sinceramente.!!Mas se deseja linka-la em seu site, revista, blog, tumblr, por favor me avise ou minimamente credite a imagem ( com meu nome e link de origem), eu topo colaborar, adoro novos projetos, sou mesmo acessivel...sabe? É muito complicado lidar com essa falta de respeito e atenção. E pela primeira vez começo a pensar seriamente nas medidas legais cabíveis em relação a esse tipo de descaso.

uffa...agora mais leve, agora mais solta
voltemos a programação normal!


4 comentários:

Sentimental ♥ disse...

essa falta de respeito dói...

Eduardo Ferreira disse...

fico surpreso com isso tati. uma vez uma menina me pediu a permissão de transformar cinco linhas de minhas palavras em uma peça:

- posso usar essa ideia?

como não deixar? como não se sentir lisonjeado? a solicitação é elogio tão forte quanto qualquer crítica.

Natália Nunes disse...

vc está certíssima, tati.

Leandro Pena disse...

É Tatiana...

Infelizmente existem pessoas que não tem o mínimo de respeito com o trabalho alheio...

Muitas vezes - até para os amigos mais próximos - tenho que lembrar de citar meu nome... Afinal, não custa nada né?

Mas tem gente que não dá o mínimo valor.Pior: pessoas que colocam marca d'água em fotos de internet...